Notícias

Sem categoria

Varejão se mostra confiante em relação as Olímpiadas

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Varejão se diz recuperado de cirurgia de reconstrução do tendão de Aquiles, e se mostra ansioso para jogar no Rio

O brasileiro Anderson Varejão, ala-pivô do Cleveland Cavaliers, está confiante em uma boa participação da Seleção Brasileira nas olimpíadas do Rio de Janeiro.

Em entrevista ao site da Federação Internacional de Basquete (Fiba), Varejão falou sobre a experiencia de já ter disputado a competição, já que defendeu o Brasil em Londres, em 2012, e revelou uma ansiedade para jogar em casa.

“Já foi uma experiência incrível estar em Londres quatro anos atrás, mas estas Olimpíadas (2016) vão ser muito especiais para o Brasil e para todos os meus compatriotas. Mal posso esperar para jogar em casa, diante dos nossos torcedores, da nossa família. Para ser honesto, estou contando os dias até os Jogos do Rio”, disse Varejão.

Varejão
Anderson Varejão defendendo a seleção brasileira

Na última vez que entrou em quadra oficialmente, a seleção brasileira disputou o Campeonato Mundial, em 2014, na Espanha, onde chegou até as quartas de finais, quando acabou derrotado para a Sérvia.

Varejão ressaltou que no Brasil, a equipe terá um diferencial muito importante, que é ser empurrado pelo torcedor.

“Nós mostramos na nossa última competição internacional que nós podemos brigar por medalha. Esse é o nosso objetivo. É sempre bom jogar em casa porque todo o país vai estar nos apoiando. É uma vantagem. Se tivermos alguns jogos ruins, temos que estar preparados também, porque os fãs vão querer que a gente vença e tenha sucesso. Nós vamos estar prontos para todas as possibilidades, mas estou confiante e acho que as coisas vão dar certo para a gente”, disse Anderson Varejão.

No final de 2014, Varejão realizou uma cirurgia de reconstrução do tendão de Aquiles, porém, o jogador diz que está completamente recuperado.

“Todos os problemas físicos que tive já estão no passado. Estou me sentindo muito bem agora e recuperei muito bem o meu tendão de Aquiles do problema no ano passado. Sinto que estou com forças nas minhas pernas e preciso apenas de um pouco mais de ritmo, o que vai vir com mais tempo de jogo”, finalizou Varejão.

Wesley Contiero (743 Posts)

Estudante de jornalismo, 23 anos, natural de Lins, Interior de São Paulo.


Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe uma resposta